Imagine ter de identificar quem está febril em meio a dezenas, centenas ou até milhares de pessoas antes de entrarem em um estabelecimento. A medição de temperatura corporal pessoa a pessoa – sem formar filas e nem a tão indesejada aglomeração – é praticamente impossível neste caso. Esse tipo de situação pode ocorrer na entrada de grandes empresas, grandes centros comerciais, aeroportos e hospitais, por exemplo.

Nós, da MOGAI, desenvolvemos um projeto de equipamento que resolve esse problema. Mesmo posicionado à distância, identifica a pessoa febril em meio à várias outras e, assim, ela pode ser rapidamente alertada, separada das demais e, se necessário, levada a um ambulatório.  

Reportagem do Jornal da TV Vitória, exibido no dia 08 de Julho de 2020.

O equipamento permite milhares de testes por minuto e de forma 100% automática, monitorando todas as pessoas no raio de visão, sem atrapalhar o fluxo ou formar filas. E também sem expor equipes de saúde e segurança a riscos.  Nossa solução, além de tudo, ainda respeita a privacidade das pessoas, ao integrar sistemas de reconhecimento facial e comunicação por SMS ou whatsapp com o possível doente.

O projeto inovador é um dos aprovados pelo Fapes (Fundo de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo), no âmbito do edital de apoio à soluções para problemas ligados à COVID-19.

Uma das especialidades da Mogai é a tecnologia de Visão Computacional, adotada em diferentes projetos, e também aplicada nesta nova solução.  Essa tecnologia serviu de base para criar o equipamento HammerHead, que tem duas câmeras calibradas de forma a realizar filmagens 3D. Assim, é capaz de dimensionar qualquer objeto e, por isso, está sendo usado por grandes indústrias em todo o território nacional para monitoramento do volume de pilhas de minério e outros materiais granulados.  Franco Machado, CEO da Mogai, explica que o equipamento atualmente está na sua versão 3.0, com novos sensores que melhoram a performance e permitem seu uso mesmo em galpões fechados (muito comuns na indústria de cimentos e fertilizantes).

Câmera HammerHead em uso para medir volume de pilhas de material granulado.

O HammerHead

Já o equipamento para identificação de pessoas febris deverá ser batizado de HammerHead-IR.  O sufixo IR é acrônimo do termo em inglês Infrared, que significa Infravermelho.  A estrutura base será a do próprio HammerHead, sendo que uma das câmeras será substituída por outra infravermelha.   

Assim como o HammerHead, a versão IR será um equipamento móvel e fácil de operar.  Por ser móvel, o empresário terá a opção de usá-lo de manhã para monitorar a temperatura das pessoas que passam pela recepção enquanto que, no horário do almoço, pode usar o mesmo equipamento na entrada do restaurante corporativo.  Outras alternativas de uso são levar o equipamento dentro de ônibus ou dentro de salas para medir a temperatura de todos os presentes sem abordar ou interromper o trabalho de ninguém.

O nosso desafio na Mogai será combinar as tecnologias do HammerHead com a medição de temperatura por infravermelho, integrando também com técnicas de rastreamento visual de pessoas (people tracking) e de localização da face (face location).

Com a tecnologia de “Face Location” o HammerHead-IR irá fotografar a pessoa identificada como febril e essa fotografia poderá ser automaticamente enviada para um aplicativo da equipe de saúde ocupacional, para outro sistema da empresa cliente e até mesmo para o celular da própria pessoa fotografada, pedindo para que ela se dirija até a enfermaria.  

Pontos Positivos

Um dos pontos positivos desse último procedimento é o fato de estar alinhado com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) já que o alerta é discreto, sem expor a situação para todos os demais presentes, o que evita gerar constrangimento ou mesmo hostilidades contra a pessoa febril.

Para tornar possível relacionar automaticamente a foto aos dados cadastrais da pessoa, a Mogai está preparada para integrar a tecnologia à sistemas de detecção de faces.

Se sua empresa tem interesse em conhecer mais sobre o projeto do HammerHead-IR, entre em contato com a Mogai.

Créditos da Imagem Principal (pessoas em fila): Jornal da Record (r7.com)


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *